1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Confira em seguida algumas dicas importantes para quem está recebendo um filho pela primeira vez.

Criar laços

O laço emocional com seu bebê é o mais importante a considerar em termos psicológicos. Para o bebê e também para a mamãe e o papai, que irão conseguir buscar forças a esse laço para os momentos mais difíceis.

O contato olhos nos olhos e pele com pele é a primeira e mais básica forma de criar esse laço. Naturalmente, estar presente para as necessidades do bebê é também importante, incluindo a simples necessidade de… não se sentir sozinho.

Divirta-se em seu tempo livre

Não vai ser fácil e é conveniente que tenha trabalho de equipe, nessa jogada, com o papai colaborando. Arrume uma forma de ter tempo livre para você mesma e para o casal. Não caia naquele erro de se dedicar a 100% ao bebê e não reservar nada para o casal.

Aproveite para ver um filme ou um seriado, dar um passeio na rua enquanto o bebê dorme, ou até coisas tão fora como jogar em um cassino online. Puxe o maridão para seu lado, façam uma busca no cassinosbrazil.com.br e arrisquem um pouco de sua sorte; é uma boa forma de se recordarem que são ambos um casal e uma equipe, mais do apenas papai e mamãe.

Planejamento

Relógio e agenda serão seus maiores aliados. Planeje o horário das refeições, do banho, da faxina, de deitar e acordar, etc. Pense em sua casa como uma pequena empresa com três pessoas: precisa ter autodisciplina e um ritmo. Se o bebê tiver seus próprios ritmos, o fato de você ter tudo planejado ajudará a que não se sinta perdida. Mais do que isso: ajudará o próprio bebê a, gradualmente, se adaptar aos ritmos da casa, à medida que vai crescendo.

Crie horários de sono

Essa dica vem na sequência da anterior. Nos primeiros meses o bebê vai dormir muitas horas e tirar pequenos cochilos, mas não precisa esperar para lhe ensinar que a noite é para dormir. Bebês podem ser instáveis, mas gostam de rotinas.

Compreenda seu bebê

Um bebê parece um fenômeno incompreensível para quem não está com ele 24 horas por dia. Você tem o maior banco de dados para compreender as necessidades e a personalidade de seu bebê. Os especialistas podem dar uma ajuda melhor do que os comentários da família ou da vizinha, pois eles trabalham com muitos bebês enquanto sua família trabalhou com muito poucos; mas é importante que o especialista lhe dê pistas sobre como interpretar aquilo que você vê diariamente. Use de seu bom senso (não de senso comum).

Não pense que o segundo é igual o primeiro

Última dica, a pensar no longo prazo e independente de você estar já pensando em engravidar de novo ou sequer ter forças para imaginar isso: cada criança é uma personalidade única. Nossa civilização reflete muito essa ideia de que todos somos únicos, mas por vezes os papais pensam que todos os filhos deveriam ser “iguais” porque recebem a mesma educação. Não é tão simples assim. A personalidade deles pode ser influenciada, mas eles já vêm com ela. E mostram-na desde o dia em que nascem.

Author

Write A Comment