ESTRADIOL: Conheça o hormônio da Fertilidade – Confira!

0


ESTRADIOL é um hormônio sexual pertencente a classe dos esteroides. Ele é produzido pelos folículos ovarianos, que por sua vez, representa a unidade básica do sistema reprodutor da mulher.

Sabemos que corpo humano é uma máquina que deve trabalhar de maneira perfeita, para que tudo funcione da melhor maneira possível e todos os órgãos funcionem bem. Para isso, existem os hormônios, os quais, regulam as atividades mais básicas do corpo e são diferentes nos homens e nas mulheres.

Uns desses hormônios, o qual, é bastante diferente na mulher é o estradiol, que tem como função básica, fazer com que as mulheres possam engravidar e a falta desse hormônio é uns dos motivos mais comuns da infertilidade feminina.

Para saber mais sobre o estradiol e sobre o seu funcionamento, acompanhe esse texto até o final e descubra tudo sobre esse hormônio da gravidez.

No momento que a mulher engravida, seu corpo passa por inúmeras alterações hormonais.

Hormônios que antes não eram produzidos passam a ser pelo organismo com o objetivo de oferecer as condições favoráveis para desenvolvimento do bebê no útero.

Algumas outras substâncias que já eram produzidas antes da gestação, passam a existir em maior quantidade no corpo. Dentre os hormônios que são importantes para conseguir engravidar, o estradiol é um dos principais.

Indicações do Estradiol

estradiol formulaA maior parte das mulheres tem o estradiol liberado pela placenta no caso de gravidez ou pelas glândulas suprarrenais e também pelos ovários.

O hormônio é responsável por etapas importantíssimas do corpo feminino, sendo elas:

  • Desenvolvimento do sistema reprodutivo (trompas, útero, mamas.);
  • Modificações em orgãos do sistema reprodutivo como os genitais;
  • Remanejamento de gorduras corporais.

Exame de Estradiol

O exame de Estradiol serve para diversos fins, dentre eles, os citados abaixo:

  • Detectar alguns tipos de câncer como o de Ovário, por exemplo;
  • Menopausa antecipada ou precoce;
  • Menstruação irregular com ausência de períodos menstruais;
  • Puberdade antecipada ou precoce;
  • Infertilidade.
Acima, um gráfico de Exame de Estradiol, usado para medir os níveis do hormônio.

Acima, um gráfico de Exame de Estradiol, usado para medir os níveis do hormônio.

Qual a função estradiol na gravidez?

como-engravidar-hojeSão muitas as funções do estradiol no corpo feminino, a primeira delas, como já foi mencionado acima, é fazer com que o endométrio se desenvolva e assim os óvulos cresçam com mais segurança dentro do útero das mulheres.

Outra função desse hormônio é fazer com que a menopausa feminina não crie tantos efeitos colaterais, para isso, existe inclusive a reposição sintética do estradiol nas mulheres acima dos 50 anos.

O estradiol é um hormônio do grupo dos esteroides e começa a surgir na fase da puberdade feminina, quando ocorre a primeira menstruação e as mulheres começam a se transformar fisicamente, tendo um grande desenvolvimento corporal e claro, hormonal.

Entendendo o Estradiol Baixo e Estradiol Alto

O nível de estradiol em meninas de 14, 15 anos, costuma ser muito grande, já que elas precisam desenvolver os seus corpos e os seus órgãos reprodutores, por isso, esse estrogênio aparece em quantidade elevada nessa idade, o que causa grandes transformações no corpo das mulheres.

O estradiol é produzido pelos ovários e dá força para que o endométrio, que é a película protetora do útero, cresça e consiga manter os óvulos seguros, para que a fecundação ocorra sem maiores problemas.

Quando a mulher engravida, os níveis de estradiol voltam a aumentar consideravelmente no organismo, o que é normal com diversos hormônios no período da gestação.

O Estradiol alto também poderá ser percebido na presença de tumores ovarianos ou até mesmo insuficiência hepática.

Na menopausa, o nível será uma constante.

Estradiol e Gravidez Ectópica: Qual a relação?

Acredita-se que os valores diminuídos de estradiol no organismo durante a gravidez pode indicar a existência de uma gravidez ectópica. Desta forma, a produção nos níveis normais de estradiol é importantíssima antes mesmo da gravidez, de forma que torna-se  impossível conseguir gerar um bebê se o mesmo.

Estrona e Estradiol

Durante a gestação, o estradiol é substituído gradativamente pela estrona, que tem sua produção na região da placenta. A estrona é responsável por deixar os bicos dos seios escuros tal como cabelo mais viçoso e pele mais brilhosa.

Vale ressaltar que quando há carência na produção de estradiol no organismo, o hormônio pode ser sintetizado através de remédios como reguladores hormonais e até mesmo anticoncepcionais porém não se esqueça que somente um médico pode indicar a melhor forma de regular os hormonais e por isso destacamos a importância do pré-natal.

 

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (10 votes, average: 4,90 out of 5)
Loading...

Leave A Reply